terça-feira, 22 de setembro de 2015

Agentes de endemias de Chorozinho decidem entrar em greve por tempo indeterminado


Atraso no pagamento de salário, não concessão de férias e descumprimento do piso federal da categoria, instituído por lei federal, de R$1.014,00. Esses foram os motivos que levaram os agentes de combate às endemias de Chorozinho a decidirem parar suas atividades. 
Depois de cerca de seis meses de negociação com os gestores do município sem nenhuma decisão positiva para a categoria, os trabalhadores, com o apoio do Sindsaúde, decidiram cruzar os braços. A decisão foi tomada pela categoria em assembleia realizada nesta segunda-feira, 21/09. A prefeita de Chorozinho, Argentina Sampaio, já foi comunicada, através de ofício, da decisão. A greve, por tempo indeterminado, começa nesta quinta-feira, 24/09. 
Com informações da Assessoria de Comunicação do Sindsaúde - Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde no Ceará

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Use comentários moderados sem ofensas ou palavrões, comentários ofensivos não serão publicados.

Publicidade