domingo, 4 de setembro de 2016

Conselho regional é instituído e passa a representar 10 mil agentes de saúde em Mato Grosso - See more at: http://www.sonoticias.com.br/noticia/geral/conselho-regional-e-instituido-e-passa-a-representar-10-mil-agentes-de-saude-em-mato-grosso#sthash.Twz2ba9T.dpuf

Tomou posse a primeira diretoria do Conselho Regional dos Técnicos em Agentes Comunitários de Saúde de Mato Grosso (Cortacs), instituído para representar os profissionais que atuam na assistência básica de saúde como agentes comunitários de saúde e de combate a endemias. O conselho foi viabilizado a partir dos trabalhos da Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos dos Agentes de Comunitários de Saúde e dos Agentes de Combate às Endemias da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT). A cerimônia de instituição e posse foi realizada no auditório Milton Figueiredo, na ALMT, e contou com a presença do deputado estadual Leonardo Albuquerque (PSD), presidente da Comissão de Saúde, Assistência Social e Previdência da Assembleia e responsável pela fundação da Frente Parlamentar. “Como médico, sei da importância de todos os profissionais para os resultados na saúde. Os agentes sempre estiveram ao meu lado nos trabalhos realizados na Saúde da Família”. Também participou do evento o deputado federal Valtenir Pereira (PMDB), que, assim como Leonardo, foi responsável pela instalação da Frente Parlamentar na Câmara Federal e que deu suporte para a criação do Conselho Nacional de Técnicos em Agentes Comunitários de Saúde (Contacs). De acordo com Valtenir, a união da categoria é fundamental para garantir a representação da profissão enquanto categoria e assim lutar pelos direitos profissionais. “É preciso união e ações estratégicas para mostrar a força e garantir o reconhecimento”. Na mesma linha, o presidente do Contacs, Edvaldo Santana, defendeu os conselhos, sindicatos e associações para impedir que profissão “desapareça”. “Queremos fortalecer os agentes de saúde e mitigar qualquer tentativa de acabar com a profissão”. O presidente do Cortacs, Domingos Antunes, agradeceu o empenho e dedicação de todos que contribuíram para a viabilização da entidade. “Assim como na saúde, vamos trabalhar no conselho pela promoção e prevenção para assegurar os diretos de todos os agentes”. Em Mato Grosso, cerca de 10 mil pessoas trabalham como agente comunitário de saúde e, no Brasil, o número chega a 300 mil. A agente comunitária de saúde Cícera Maria dos Santos da Silva, 52, trabalha no bairro Osmar Cabral, na capital, e é responsável pela assistência a 248 famílias em sua região. Para ela, todos os agentes ganham muito com o Cortacs. “Esperamos salários mais dignos e o reconhecimento enquanto categoria, e o Conselho vai possibilitar isso”, afirma Cícera, que há 21 anos trabalha como agente.

Fonte: Redação Só Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Use comentários moderados sem ofensas ou palavrões, comentários ofensivos não serão publicados.

Publicidade