sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Agentes de saúde recebem capacitação sobre prevenção ao suicídio em Castro

Profissionais da rede de saúde de Castro receberam um curso de capacitação sobre prevenção ao suicídio.


PROFISSIONAIS DA SAÚDE RECEBERAM CURSO
 EM CASTRO/FOTO: DIVULGAÇÃO
Ainda finalizando as ações do Setembro Amarelo, o mês internacional de prevenção ao suicídio, a Secretaria de Saúde de Castro realizou nesta semana uma capacitação para os agentes comunitários de saúde (ACS), voltada para o tema. Cerca de 80 profissionais de toda a rede de saúde do município participaram do encontro que aconteceu na segunda-feira (3) e teve palestras ministradas pelos psicólogos Luciano Roberto Christóforo e Karen Aparecida Freitas de Oliveira.

De acordo com a responsável pela Divisão de Saúde Mental do município, Lucimar Coneglian, o objetivo é sensibilizar os profissionais quanto ao tema. “São estes os profissionais que têm contato direto com a comunidade. Dessa forma, é importante que eles estejam preparados para quando tiverem contato com pessoas que estão enfrentando algum tipo de sofrimento que possa desencadear no suicídio”, explanou.

A psicóloga do Centro de Atenção Psicossocial (Caps), Karen Aparecida Freitas de Oliveira, que foi uma das palestrantes, destacou a importância de abordar o assunto com este público. “Os agentes de saúde são profissionais de extrema importância neste processo pois estão em contato direto com as pessoas que estão vivenciando algum sofrimento psíquico. Assim, podem ser importantes aliados na detecção desses casos. Segundo pesquisas recentes, 90% dos casos de suicídios poderiam ser prevenidos caso os possíveis sinais fossem detectados com antecedência. Dessa forma, compreende-se que a prevenção existe e é o melhor caminho”, ressaltou.

Para a ACS da unidade de saúde Jeová Ribeiro, Valdania da Silva, o encontro foi bastante produtivo. “A palestra permitiu que pudéssemos ter acesso a um conhecimento que ainda não tínhamos. Assim poderemos perceber pacientes que apresentem sinais que combinem com os que nos apresentaram na capacitação, e levar essa informação até a equipe de saúde, pois como vimos a prevenção é o melhor caminho”, concluiu.

Lucimar ressalta ainda que o próximo passo é a implantação do Protocolo de Prevenção ao Suicídio no município. “É necessário definir como será realizado esse atendimento nos serviços de saúde de Castro, para que possamos estabelecê-lo de fato. Com isso, o próximo passo é a capacitação dos demais profissionais das unidades de saúde, médicos e enfermeiros e assim sucessivamente. Precisamos contar com uma equipe preparada para atender estes pacientes”, finalizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Use comentários moderados sem ofensas ou palavrões, comentários ofensivos não serão publicados.

Publicidade