terça-feira, 18 de outubro de 2016

Aracaju:Agentes de saúde e de endemias pedem pagamento do salário de setembro

Categoria tem 1,1 mil servidores que estão em greve há quase duas semanas.
Seplog não informou previsão para o pagamento desses trabalhadores.

Agentes comunitários de saúde e de endemias protestam contra atraso nos salários (Foto: Anderson Barbosa/G1)
Agentes comunitários de saúde e de endemias
protestam contra atraso nos salários
(Foto: Anderson Barbosa/G1)
Do G1 SE

Mais de mil servidores representados pelo Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e dos Agentes de Combate às Endemias do Município de Aracaju (Sacema) estão em greve por causa do atraso no pagamento. Em protesto, eles se concentraram na manhã desta terça-feira (18) na Praça General Valadão, no Centro da capital sergipana.

O diretor financeiro da Sacema, Roberto Messias da Silva, foi até a Secretaria Municipal de Finanças, para buscar informação sobre a previsão de pagamento do salário de setembro e por melhores condições de trabalho. A categoria está em greve desde 4 de outubro.


A Secretaria da Fazenda e Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplog) não informou previsão para o pagamento desses trabalhadores.Estão impactados os serviços de combate mosquito Aedes aegypti, visitas domiciliares para a prevenção e o monitoramento da saúde básica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Use comentários moderados sem ofensas ou palavrões, comentários ofensivos não serão publicados.

Publicidade