terça-feira, 24 de abril de 2018

Justiça: Mais três agentes de saúde são reintegradas à prefeitura da Serra


Resultado de imagem para imagens da justiça
A Justiça do Trabalho determinou que mais três Agentes de Combates a Endemias (ACEs), da Prefeitura da Serra, fossem readmitidas pela Secretaria de Saúde do município. A decisão é da 14ª Vara do Trabalho e foi favorável às profissionais Joelísia Cardoso de Amaral, Irone Lima dos Reis e Eusimere Rangel Pinheiro, que já fizeram o retorno oficial ao cargo na última quinta-feira (19). 

As três decisões são finais e, além do retorno imediato das servidoras, determinam o pagamento de salários referente ao tempo em que ficaram afastadas e, ainda, indenização por danos morais no valor de R$ 2 mil.

As agente foram afastadas em agosto do ano passado, quando 30 servidores foram demitidos ao mesmo tempo, sendo que 14 procuraram o Sindicato dos Servidores da Saúde do Estado (Sindsaúde) para entrar com ações contra a Secretaria de Saúde da Serra.

















Os profissionais foram chamados para uma reunião em que foram comunicados da demissão, sem justificativas ou processos administrativos. A prefeitura alegou apenas que não tinha interesse em mantê-los. Na época, os servidores fizeram exames médicos como de rotina mas, na verdade, eram demissionais.

Demissões em massa

Joelísia, Irone e Eusimere somam oito servidoras reintegradas pela Justiça do Trabalho desde a demissão em massa realizada numa decisão do secretário de Saúde da Serra, Benício Santos, comandando pelo prefeito Audifax Barcelos (Rede). Foram desligados 26 Agentes de Combate a Endemias (ACE) e quatro Agentes Comunitários de Saúde (ACS).

Audifax Barcelos foi acusado de colocar a população do município em perigo, pois em função das áreas descobertas pela ausência dos trabalhadores, houve risco de aumento das epidemias, como dengue, zika, chikungunya, febre amarela e raiva animal.

Segundo o diretor do Sindsaúde-ES, Jovânio Barbosa de Oliveira, a entida ainda espera conseguir novas reintegrações.

Outras servidoras reintegradas foram Marilda Monteiro Ribeiro; Patrícia Aprígio dos Santos Silva Oliveira; Janaína Alves Araújo Rodrigues; Jeani Tavares e Thalyta dos Santos Ridolfi.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Use comentários moderados sem ofensas ou palavrões, comentários ofensivos não serão publicados.

Publicidade