sábado, 8 de junho de 2013

Secretaria de saùde do Recife imunizará 88 mil crianças contra a pólio

A Prefeitura do Recife e a sociedade civil deram as mãos em um grande esforço de combate à poliomielite na capital pernambucana. A campanha de vacinação começou neste sábado (8), na Policlínica e Maternidade Professor Arnaldo Marques, no Ibura, e segue até o próximo dia 21 com a meta de imunizar 88 mil crianças, o que corresponde a 95% dos recifenses entre seis meses e cinco anos. O prefeito Geraldo Julio e a primeira-dama da cidade, Cristina Mello, que é médica, foram à unidade de saúde nessa manhã deflagrar o Dia D da ação.

Após dar início à campanha de vacinação na Arnaldo Marques, o prefeito assinou quatro ordens de serviço autorizando a Prefeitura a executar melhorias na policlínica e em toda a rede municipal de saúde. Entre as ações, estão a reforma do Centro de Parto Normal e da maternidade, a reestruturação e climatização da Farmácia da Família, reforma da Central de Material Esterilizado; além da contratação de 21 médicos para a unidade e nomeação de outros 14 médicos clínicos e 29 farmacêuticos para a rede. As medidas integram um plano de ação para o segmento, detalhado pelo prefeito na última terça-feira.

O prefeito destacou o compromisso da PCR em vacinar o maior número possível de crianças contra a pólio. “É preciso que todos aqui se mobilizem, mobilizem a família, os amigos, as pessoas; para que possam trazer as crianças de seis meses a cinco anos nos postos da Prefeitura, que hoje estão espalhados nos supermercados, associações de bairro e outros locais para fazer a vacinação”, pontuou Geraldo Julio, que acompanhou o início da vacinação na policlínica.

Até o final do dia de hoje, as crianças poderão ser vacinadas em 600 postos, entre as unidades da rede municipal e os “volantes”, instalados em escolas, supermercados, associações de moradores, entre outras localidades. A partir da próxima segunda-feira, a vacinação segue nas unidades da Prefeitura.

A PCR ressalta que a campanha de vacinação não se destina aos recém-nascidos como em outras oportunidades. É importante que os pais não esqueçam o cartão de vacinação da criança. Sem contra-indicações, a vacina contra a pólio não deve ser aplicada em crianças com infecções agudas ou com mais de 38 graus de febre; bem como nas que tiveram no passado alguma reação ao medicamento ou possuem hipersensibilidade.

ARNALDO MARQUES – As intervenções iniciadas neste sábado serão possíveis através de uma parceria com o Ministério da Saúde, pelo programa Rede Cegonha. O Centro de Parto Normal receberá um investimento de R$ 535 mil; já as reformas da maternidade e da Central de Material de Esterilização estão orçadas, respectivamente, em R$ 209 mil e R$ 186 mil. Alvo de uma reforma no início de 2013, que permitiu a reabertura de 10% dos leitos da maternidade, a Arnaldo Marques funciona hoje com um novo Serviço de Pronto Atendimento, que só em abril realizou 7.046 atendimentos especializados – antes da intervenção, em janeiro, foram 970 atendimentos.

“Todo esse esforço é porque, conversando com as pessoas nos bairros, sabemos que tem muita coisa para fazer na cidade. A questão da infraestrutura, o cuidado com a moradia, com a educação nas escolas. Mas sabe o que mais preocupa as pessoas? Exatamente a questão da Saúde. É o que escutamos em todos os bairros. E é por isso que estamos fazendo esse esforço tão grande. Já iniciamos este ano mais de R$ 134 milhões em obras na área de saúde”, explicou Geraldo Julio, citando o Hospital da Mulher do Recife, primeiro de grande porte a ser construído pela Prefeitura.

A readequação da Farmácia da Família, que incluirá um novo sistema de climatização, custará R$ 180 mil. “No dia em que estivemos aqui para outra ação fazia muito sol. E a gente encontrou as pessoas esperando para receber o atendimento da farmácia. Perguntei e vi que, das 7h ate as 10h30, o sol pegava justamente em quem estava ali esperando. Não dá para a pessoa ficar uma hora, duas horas, esperando no sol. Naquele dia tomamos a decisão de melhorar a climatização da farmácia”, argumentou Geraldo Julio.
OCUPAÇÃO SOCIAL – Da Policlínica Arnaldo Marques, Geraldo Julio foi à Escola de Referência Jordão Emerenciano, na UR-02, para participar da Ocupação Social do Ibura, promovida pelo Estado, através do programa Governo Presente. A ação reuniu Estado e PCR na prestação de serviços aos moradores do bairro, a exemplo de emissão de documentos, apoio jurídico e psicossocial e realização de exames, entre outras atividades culturais e esportivas. Acompanhado do governador Eduardo Campos, o prefeito aferiu a pressão e circulou pelos diversos espaços oferecidos pela ação.

A Prefeitura participou da mobilização com 30 profissionais da Secretaria-Executiva de Defesa Civil, que orientaram a população sobre como proceder em dias de chuva e aplicaram lonas em morros no entorno da escola. A Secretaria de Saúde também deslocou equipes de profissionais para esclarecimento de dúvidas.
PCR

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Use comentários moderados sem ofensas ou palavrões, comentários ofensivos não serão publicados.

Publicidade