sábado, 11 de março de 2017

Gestores e agentes de saúde da Região Oeste aprovam programa “Pró-família”


Imagem da história para agentes de saude de CenárioMT
Fonte: http://www.cenariomt.com.br

O Programa Pró-Família foi apresentado na Caravana da Transformação, em São José dos Quatro Marcos, na tarde de sexta-feira (10.03). Gestores da assistência social, prefeitos, agentes comunitários de saúde e assistentes sociais de 13 municípios da Região Oeste aprovaram a apresentação realizada pelo governador Pedro Taques e o secretário de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas), Max Russi.


Os agentes comunitários de saúde e assistentes sociais serão diretamente envolvidos na execução e acompanhamento do programa, que vai criar uma rede de proteção social para 35 mil famílias em vulnerabilidade social, nos 141 municípios do Estado.


“Certamente vamos desenvolver o programa aqui no município. Percebemos a importância dessa iniciativa que beneficiará a população que mais precisa e também os agentes comunitários de saúde”, comentou a secretária municipal de Assistência Social de São José dos Quatro Marcos, Simone Paula Floreano.

A fala da secretária é endossada pela gestora Fátima Beatriz Pereira, de Rio Branco (a 120 km de São José dos Quatro Marcos), que acredita que todos irão ganhar com a transferência de renda, qualificação profissional, acompanhamento escolar e de saúde, principalmente a população mais carente, que vive em situação de pobreza e extrema pobreza.

“Acredito que o Pró-Família irá criar uma padronização nas nossas atividades. Vai proporcionar desde um uniforme até estrutura de tecnologia e qualificação. Além de dar o apoio para quem mais precisa”, comentou a agente de saúde Sueli Loiola, que foi ao evento acompanhada da amiga Darcilene Dias, ambas são agentes de saúde em Mirassol D´Oeste (a 36 km de Quatro Marcos) há mais de 14 anos.

As profissionais contaram que sempre trabalharam na mesma região do município. O conhecimento que elas desenvolveram, é um exemplo de informação sobre a população da área que será essencial para o reconhecimento e acompanhamento de famílias vulneráveis.

“Os agentes é que farão a escolha dessas 35 mil famílias junto com as secretarias de assistência municipais. Dessa forma, nós queremos valorizar esses profissionais e fazer com que possam nos ajudar nesse importante programa”, afirmou Pedro Taques.

Já o secretário Max Russi destacou o papel dos chefes de Executivo Municipal no desenvolvimento do Programa Pró-Família. “Os prefeitos serão os grandes responsáveis em criar estratégias dentro de suas cidades. Como verificar o perfil de qualificação necessária para as pessoas assistidas pelo programa”, avaliou o titular da Setas.

O prefeito de São José dos Quatro Marcos, Ronaldo Floreano, afirmou que irá implantar o programa da Setas e elogiou o Governo do Estado pela Caravana da Transformação. “Além dos serviços de saúde e cidadania, o nosso município também recebe um aporte financeiro que nunca teve em outra oportunidade. Todos os industriários e comerciantes são beneficiados, com esse evento, em momento de crise financeira. A caravana transforma em todos os sentidos, e tem mostrado isso em todas as regiões de Mato Grosso”, afirmou Ronaldo Floreano.

Pró-Família

O Projeto de Lei que cria o Pró-Família foi aprovado em última votação, na manhã desta quinta-feira (09.03), e segue agora para sanção do governador Pedro Taques.

O público-alvo são 35 mil famílias com renda familiar per capita inferior a um terço do salário-mínimo vigente, que deverão receber um auxílio mensal para ser investido, principalmente, em alimentação. No entanto, terão que atender a uma série de condicionalidades, como, por exemplo, manter a frequência escolar dos filhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Use comentários moderados sem ofensas ou palavrões, comentários ofensivos não serão publicados.

Publicidade