quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Manifestantes pedem a abertura de uma CPI da Saúde no Amazonas

Ato ocorreu na frente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Foto: Adneison Severiano/G1 AM)
Ato ocorreu na frente da Assembleia Legislativa 
do Amazonas (Foto: Adneison Severiano/G1 AM)
Grupo interditou avenida Mario Ypiranga, na frente da ALE-AM.
Manifestantes também apoiam a aprovação da PL 4850/2016 do MPF.

Adneison Severiano e Ive Rylo
Do G1 AM

Manifestantes interromperam o tráfego da Avenida Mario Ypiranga, na manhã desta quinta-feira (27), para pedir a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar a situação da Saúde do Amazonas. O grupo também é a favor do Projeto de Lei 4850/2016, mais conhecido como "10 medidas contra a corrupção", apresentado pelo Ministério Público Federal (MPF) para aprimorar a prevenção e o combate à corrupção e à impunidade.
O protesto contou com a participação de cerca de 40 participantes, que se concentraram na frente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM). O grupo era composto por representantes da Ordem dos Médicos do Brasil - Regional Amazonas e os movimentos Amazonas em Ação e Amigos da Saúde.

O grupo interrompeu o tráfego em ambos os sentidos da via por alguns minutos. Agentes do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito de Manaus (Manauastrans) foram acionados para organizar o trânsito.

"Os escândalos que vieram à tona recentemente, demonstraram que os desvios de recurso têm comprometido o sistema de saúde do estado. A emergência do AM já foi o melhor do Brasil em termos de qualidade e hoje não é mais. Isso que queremos saber. Qual o motivo de faltar dinheiro para saúde, por que faltam médicos, remédios e equipamentos", disse o médico e diretor da Ordem dos Médicos do Brasil - Regional AM, Renato de Oliveira.

A instauração de uma CPI para averiguar o esquema de desvio de recursos públicos da Saúde, denunciados pela Polícia Federal na operação "Maus Caminhos", é defendida pelo grupo. "Outras manifestações irão ocorrer até a sociedade obter uma resposta da Assembleia e da Susam", afirmou a coordenadora do movimento Amazonas em Ação, Iza Oliveira.

O G1 aguarda posicionamento da Susam sobre as reivindicações.

MPF
Tramita na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei (PL) 4850/2016, sobre as "10 Medidas contra a Corrupção", apresentado pelo Ministério Público Federal (MPF). O projeto estabelece medidas contra a corrupção e demais crimes contra o patrimônio público e combate o enriquecimento ilícito de agentes públicos.

Entre as medidas estão: Prevenção à corrupção, transparência e proteção à fonte de informação; Criminalização do enriquecimento ilícito de agentes públicos; Aumento das penas e crime hediondo para a corrupção de altos valores; Eficiência dos recursos no processo penal; Celeridade nas ações de improbidade administrativa; Reforma no sistema de prescrição penal; Ajustes nas nulidades penais; Responsabilização dos partidos políticos e criminalização do caixa 2; Prisão preventiva para assegurar a devolução do dinheiro desviado; Recuperação do lucro derivado do crime.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Use comentários moderados sem ofensas ou palavrões, comentários ofensivos não serão publicados.

Publicidade